Search
Search

Um conselho de panzer

 

“…nein, nein, eu quero um chope e em copo, pequeno”

O já falecido comerciante Francisco José Albrecht, nascido em Isny in Algau, Alemanha, chegou ao Brasil em 1920 e se radicou no Vale do Caí. No início dos anos 50, ele voltou à Alemanha para visitar seus pais. Cumprido o roteiro familiar, o velho Franz Josef deu uma esticada em Munique e obviamente foi molhar as idéias na famosa cervejaria Hofbrauhaus, um estabelecimento com mais de 400 anos. Na incursão cervejeira, Albrecht teve a companhia de um turista brasileiro, descendente de alemães mas com pouca ou nenhuma ligação cultural, lingüística e etílica com seus antepassados. Instalados numa mesa, pediram cerveja, servido naquelas enormes canecas de um litro. Aí veio uma alemoa parruda carregando cinco canecas cheias em cada mão. – Nein, nein, quero um chope em copo, pequeno – disse o brasileiro em português. A garçonete, talvez um protótipo do primeiro panzer Tiger, só entendeu o “nein”. Olhou interrogativamente para o parceiro, que explicou a ela em alemão o pedido do seu amigo. Ela suspirou, revirou os olhos, largou as canecas na mesa e afagou a cabeça do brasileiro, homem dos seus 50 e tantos anos. – Wir verkaufen kein Bier für kinder. Bitte, kommen Sie wieder wenn Sie erwachsen sind. E deu meia volta para servir outras mesas. Albrecht caiu na gargalhada. Curioso, o brasileiro pediu a tradução. Quando a ouviu, fechou a cara. Significava: – Não vendemos cerveja para crianças. Por favor, volte quando tiver crescido

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre