Search
Search

Por que não estou surpreso?

A CIC Teutônia realizou o seu tradicional Almoço Empresarial com palestra do professor e contador Altair Antônio Toledo, que atua na KPMG há 27 anos, abordou o tema “Os impactos da Reforma Tributária para as empresas”. Para o palestrante, trata-se de uma temática complexa e que precisa ser discutida. “Pois inevitavelmente impactará a todos.”

www.brde.com.br

Ele apontou que o principal ponto da reforma será a substituição de toda a tributação de consumo que temos hoje – PIS, Cofins, ICMS e IPI – por uma nova sistemática.

“A ideia central é que tenhamos simplificada a tributação e diminuída a quantidade de legislações, porque hoje só de ICMS são 27 leis diferentes. Após, passaremos a ter o imposto (IVA) que substituirá os demais. É para melhorar o ambiente de negócios no Brasil e gerar mais empregos.”

https://www.veloe.com.br/banrisul?utm_source=fernando_albrecht&utm_medium=p_blog&utm_campaign=tag_banrisul&utm_content=escala_600x90px

Segundo Toledo, há pontos preocupantes e alguns setores serão mais beneficiados em detrimento de outros. “Haverá redução da carga tributária na indústria. Porém, quando falamos em serviços e no agro, devemos ter aumento.”

https://cnabrasil.org.br/senar

Não existe governo que abra mão de arrecadação. O nosso não só mantém como vai aumentá-la. Quem acredita que o ministro Fernando Hadad diz o contrário acredita em Fada do Dente, Papai Noel e Bambi.


Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre