Search
Search

Pioneiros esquecidos

A primeira vez que se viu um arremedo de televisão foi em 1928, na Feira de Ciências de Munique. E a cores, com imagens toscas e em caráter experimental.

Ninguém deu muita bola, não se enxergou qualquer utilidade prática, assim como nos primórdios do telefone. Ora onde já se viu, falar com alguém que está longe. A velha história de estar à frente dos tempos.

As lojas de conveniência não são de hoje. Quem criou esse conceito na segunda metade dos anos 1970 foi Chico Pinedo Kasper, diretor da maior rede de supermercados da época, o Real. Na época, os supermercados não vendiam produtos gelados e os lácteos de hoje resumiam-se a iogurtes.

Chico sentiu que havia demanda para pequenas lojas de venda de alimentos e alguns enlatados, bebidas geladas e produtos que necessitavam de refrigeração. Então, criou as lojas Comes & Bebes para o Grupo Joaquim Oliveira, dono do Real.

Não deu muito certo, pelo que lembro. Talvez fosse problema de gestão ou custos altos, sei lá. Mas Kasper criou outros produtos à frente do seu tempo, como a cebola em pó para evitar que a concentração da safra não estragasse as cebolas.

E sabem a profissão original de Chico Pinedo Kasper? Geólogo.

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre