Search
Search

Os fazendeiros e a rã

Apelidos de jogadores de futebol sempre caminharam juntos. Muita coisa não pode ser dita hoje por causa do abominável politicamente correto. 

O que eu posso contar é o apelido de três jogadores da defesa do Guarani de Bagé dos anos 1960. Eles eram muito bons, mas gostavam da marvada, a cana, água que passarinho não bebe. 

Eram chamados de os 3 Fazenda, conhecida marca de cachaça. Mas a melhor história é do jogador Dirrã, do Espírito Santo.

Certo dia, um repórter o interpelou para perguntar de onde veio o sobrenome francês.       

-Nããão. E que meu apelido  era cu de rã. Mas ficava feio dizer isso na rádio. Aí ficou Dirrã.

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre