Search
Search

O sobrevivente

No dia 10 de março de 1969, foi inaugurado, na Avenida Assis Brasil nº 295, pela família Lenhardt, o restaurante Chopp Stübel. Seus fundadores, Arnildo e Vera e o filho mais novo do casal Norton, inspirados em seus antepassados, tinham como proposta oferecer aos clientes os sabores da tradicional cozinha alemã. Além do chope de qualidade, bem tirado e bem gelado.

Hoje, a casa está na av. Mariland, 431, sob comando de Norton e Suzana Lenhardt e filha Lys. O estabelecimento do Norton é um dos poucos sobreviventes da era gloriosa dos bar-choprs das décadas de 1950 até 1980, quando a falta de estacionamento matou a maioria.

Chegar aos 55 anos neste ramo é uma façanha. Eis o relato de Norton. “A história do Chopp Stübel também se confunde com a história de Porto Alegre e do Brasil. Iniciamos nos tumultuados anos 60. Passamos por sete moedas diferentes, por mais de 13 planos econômicos, pelo tabelamento da Sunab, pelos fiscais do Sarney, pelo confisco da Zélia, por uma tributação das mais altas do mundo, por legislações sufocantes e, por fim, pela terrível pandemia. Quantas dificuldades e sofrimentos, nos adaptamos, nos reinventamos, prosperamos, conquistamos nosso espaço e sobrevivemos em um país onde 85% das pequenas empresas, como a nossa, não passam dos cinco primeiros anos de existência”. 

A história mostra como foi e ainda é empreender aqui.

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre