Search
Search

O leitão quadrado

“…nem carne de porco encontro mais, imagina!”

Nestes tempos sombrios de instabilidade financeira mundial vale lembrar tempo do Plano Cruzado, em 1986. Começou “bem”, com o então presidente José Sarney congelando os preços, com ameaça de cana para quem aumentasse. Não demorou e aconteceu o óbvio: os produtos sumiram das prateleiras, começando pela cerveja. Foi um desabastecimento geral. Carne, conservas, bebidas, tudo. Nesse clima de “tão alegres que viemos, tão tristes que voltamos” o mercado negro entrou de sola. Na rua Santo Antônio, havia uma quitanda e minimercado do seu Wilson. A vizinhança comprava leite, pão, bebidas, frutas e verduras, essas coisas. Que haviam sumido. Num domingo de manhã, chegou lá um sujeito com uma mala pequena, daquelas de papelão, bem simples. Pediu um underberg com cana – cachaça sempre tinha, claro – e acompanhou os relatos tristes da turma que lamentava os efeitos do Cruzado. – Nem carne de porco, encontro mais, imagina – disse um. Aí o sujeito tomou mais um gole do under e entrou triunfalmente no papo. – Bueno, um porquinho eu arrumo. Leitão de primeira. Abriu a mala. Dentro havia um leitão já temperado. Pelo aspecto, o finado suíno já havia passado desta para uma melhor há um bocado de tempo. Ninguém aceitou comprar o bicho. Porque ele estava quadrado, literalmente. Durinho da Silva. De tanto carregar o leitão na mala, havia adquirido o seu formato. Na dúvida, ninguém queria arriscar, para desgosto do proprietário. O vendedor ainda veio com o argumento que os japoneses já vendiam melancia quadrada, então por que não leitão quadrado? Não colou

 

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre