Search
Search

Curto e grosso

“..fazia textos quilométricos, que custavam os tubos”

Durante o governo Ildo Meneghetti, nos anos 60, um secretário de Estado percorria o estado para reportar situações que exigiam a intervenção do Palácio Piratini. Com poucos telefones – demorava-se horas para conseguir uma simples ligação, quando vinha – restava só o telegrama. Que era caro pra caramba. E o secretário, chamado Caio, fazia textos quilométricos, que custavam os tubos. Meneghetti mandava Caio reduzir mais e mais os textos, irritando seu auxiliar. Foi reduzindo, reduzindo, e nada do velho Ildo se dar por satisfeito. Mandava Caio abreviar mais ainda o texto. Certo dia, ele foi a Montenegro, onde uma grande enchente do rio Caí ameaçava o cais. Caio foi lá e chutou o pau da barraca mandando um texto literalmente telegráfico: “Cais Caí caiu. Caio”.

 

 

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre