Search
Search

Free again

  Anestesista saiu do hospital por volta das 22h. Em rua próxima, bairro nobre de Porto Alegre, estranhou que a fruteira da região ainda estivesse aberta. Amigo do dono, aproveitou para comprar bananas. Parou, abriu a janela e viu uma pistola apontada para seu rosto. O assaltante se escondeu na fruteira, o quitandeiro era refém.

  Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT, o primeiro condenado da turma do mensalão, pode ganhar livramento condicional ainda neste mês. Vai ter que cumprir algumas exigências que o STF exige, mas tudo indica que ele ganha as ruas.

  O que une estes dois casos é que a legislação brasileira é extremamente branda. O Supremo apenas aplica a lei. Tanto o assaltante da fruteira quanto Delúbio sabiam que é moleza pegar ar fresco das ruas após um período curto de cana.

  Basta isso para entender o motivo pelo qual qualquer moleque assalta e mata sem temer as consequências, isso se pego for.

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre