Search
Search

A volta em suspense 

Como tantos outros porto-alegrenses, vi-me obrigado a vereanear fora do veraneio devido à falta de água. Já estou em Tramandaí há uma semana e parece – parece – que a água volta entre hoje e amanhã. Mas vou terceirizar a mão para alguém abrir a torneira e ver se é o precioso líquido ou é uma miragem. 

A cidade (foto) recebeu um grande número de pessoas da Capital ou do interior, divididas entre os que têm casas ou apartamentos e os que os alugaram ou foram para os hotéis. Noto uma diminuição do número de veículos nas ruas centrais.

www.brde.com.br

A cidade litorânea tem boa estrutura mesmo fora do verão. Entre outros motivos porque é crescente a tendência de deixar a cidade grande para morar nesta e em outras cidades do Litoral.

A rua onde moro, que vem do centro, está coalhada de prédios residenciais. E fiquei surpreso com a quantidade entre o ano passado e agora. Com a enchente, o número de fugitivos deve aumentar barbaridade nos próximos meses.

Em praias como Capão da Canoa, Xangri-lá e Atlântida é grande o número de condomínios horizontais. Em Capão, há lançamento de apartamentos com valores com preço acima de R$ 5 milhões: um deles custará R$ 12 milhões.

De certa forma, morar em Capão é o mesmo que morar na Capital com seus problemas, a começar pelos congestionamentos. A boa notícia é o grande número de restaurantes de ponta e do comércio qualificado.

https://cnabrasil.org.br/senar

Banho de sol

Dá gosto de ver o comportamento de pets, especialmente gatos, com a  volta do sol. Procuram o lugar mais ensolarado para recuperar o banhos perdidos. E como os humanos, gostam de ver o movimento da rua.

Mas, ô miséria! A previsão informa que vem  mais chuva hoje e amanhã. Para os flagelados, é outra cacetada. 

Tia Carmen

Este é depoimento da Tia Carmen, dona da casa  noturna de Porto Alegre que leva este nome. Sim, eu sei que ela vende sexo. Mas é para ver que a enchente pegou geral. E, de uma forma ou outra, a vida se tornou difícil. E será muito mais difícil daqui para a frente. 

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre