Search
Search

A menina e o Pensador

Chama-se iconoclasta quem destrói ou debocha de imagens religiosas e outras obras clássicas. No caso em tela, a estátua da clássica o “Pensador” (Le Penseur, de 1902), de Auguste Rodin, já serviu para um sem-número de galhofas ao longo da sua história.

Foto: Reprodução Twitter de Chico Pinto

Esta é uma das mais recentes. Abstraindo a molecagem, faz sentido. O que seria da seriedade se não fosse o riso?

A bosta da vaca como salvação

Vi um documentário da RTP (Rádio e Televisão Portuguesa) que me sensibilizou sobremaneira, sobre a empresa Semente Viva. Ela pratica a bio orgânica, melhor que a orgânica, que exige 8 compostagens em períodos pré-determinados.

https://www.veloe.com.br/banrisul?utm_source=fernando_albrecht&utm_medium=p_blog&utm_campaign=tag_banrisul&utm_content=escala_600x90px

Ou seja, consideram a terra como algo vivo. Não utiliza adubos químicos nem pesticidas, apenas adubo natural – o melhor deles é o estrume, a bosta da vaca.

Vi muito disso na minha infância em São Vendelino. Com  diferença que os colonos usavam também estrume de porco.

Palmas para a Semente Viva

Deu vontade de bater palmas para a Semente Viva. Em 25 hectares, colhem sementes de 300 espécies de hortaliças e frutas, muitas das quais não existiam mais em Portugal.

https://cnabrasil.org.br/senar

Eles possuem parceria com 35 agricultores de todo o país que, por sua vez, transmitem esse conhecimento nas escolas. Nós sabemos que é de pequenino que se torce o pepino. Os adultos estão viciados em comodismo.

O paradoxo português

Para ver como falta visão e não é só aqui. A Semente Viva exporta 66% das sementes enquanto Portugal importa 80% destas sementes. Oh coerência, onde estás?

www.brde.com.br

Além dessa empresa de Portugal, países como França e Alemanha também praticam a agricultura orgânica ou a biocultura. Já escrevi aqui que um estudo que é chancelado pela maior empresa de fertilizantes do Mundo, a Bayer, que dentro de 60 safras e terra disponível para a agricultura terá esgotada a sua capacidade de produzir alimentos. Notem que a Bayer concorda com a tese do livro, que se chama 60 safras.

Nem tudo está perdido. Mas, ao mesmo tempo, tudo está pedido. A Humanidade tem uma alarmante vocação para o suicídio.

Seguro inseguro

O governo federal lançou o aplicativo Celular Seguro como alternativa frente à epidemia de roubos e furtos de smartphones que o Brasil enfrenta continuamente. Deixem eu botar uma mosca nessa sopa. Enquanto tivermos uma população simplória e vigaristas espertos, não existirá celular seguro.

Fernando Albrecht

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

Deixe sua opinião

Publicidade

Publicidade

espaço livre